12.01.05
Falando acerca do "Código Davinci" de dan Brown



"Não o li, nem lerei. Agora, pelo que sei do livro, é um livro perfeitamente herético, com conteúdos tremendamente heréticos e tão disfarçados, tão macios e tão doces, que as pessoas nem se dão conta do que está a acontecer. Prefiro um livro que seja declaradamente mau, do ponto de vista religioso a uma coisa que as pessoas lêem e classificam apenas como "um policial muito bom".



Deixo aqui duas páginas sobre as heresias (segundo a crença cristã que o livro contém).



http://www.christianitytoday.com/history/newsletter/2003/nov7.html



http://www.christianitytoday.com/ct/2004/001/23.62.html



Para que conste esta é a minha opinião acerca do livro. Acho que historica e teologicamente é uma aberração sem muitos pontos onde se apoiar. Mas sei que muitos são os que discordam comigo.

publicado por wherewego às 17:13

Incrível como há pessoal que trabalha arduamente. Senta-se numa cadeira e passa uma horita (se tanto) a dizer mal ou bem (como lhe apeteça) de algum VIP. E para isso não se precisa de currículo, pode-se ser intruja (ou astróloga), má língua ( ou minimamante gay) e por aí adiante.

Ora se me quiserem, eu sou medianamente má língua! convidem-me, ando à procura dum part-time, até Março.





publicado por wherewego às 13:43

http://pixaranimation.blogspot.com/

publicado por wherewego às 13:35

http://tomara-que-caia.blogspot.com/

publicado por wherewego às 13:32

Falhas de memória. Post interessantes que nos faz medir as palavras uns dos outros, ou então não.

publicado por wherewego às 13:15


Este lindo menino faz anos hoje. Rob Zombie - Será que vale a pena cantar os parabéns? Posted by Hello
publicado por wherewego às 11:57

Terá sido hoje (o que eu acho ligeiramente discutível, mas pronto) que Júlio César terá atravessado o Rubicão começando a guerra civil com magbo pompeio.

Já agora, se estiverem interessados no assunto peguem na coleção Roma Sub-Rosa de Stephen Saylor. Sobre este assunto confiram o livro que leva o nome do rio, Rubicão. Vale muito a pena!



publicado por wherewego às 11:51

Já falei anteriormente aobre este clássico da história do cinema.

Falo novamente porque tenho andado a ouvir, outra vez, a banda sonora. Um grande trabalho de Ennio Morricone.

E sente-se os calafrios que sentimos ao ver o filme. Quem não se lembra da antologia dos beijos proibidos no final do filme?



publicado por wherewego às 11:46

Pensei duas vezes antes de avançar com esta comparação. Concordo que possa ser. A alguns níveis, considerada como de mau gosto. Sinceramente, ao longo destas semanas concordo cada vez mais com ela.

O nosso país precisa dum tsunami a nível político. Precisamos de algo que varra a nossa politiquice de alto a baixo.

Duvido que hoje se vá para a política por ideologia (um pouco, ok), por sentido cívico ou de dever, por amor ao trabalho que deve e tem de ser feito. Hoje a política é demagogia, jogos sujos de poder e contra-poder, tachos, lobbys,………..acrescentem como quiserem.

Os nossos políticos falam bem (e nem todos, concordemos) mas a realidade é que nunca ou quase nunca, a diarreia verbal dá em algo de concreto.

Teimam até em fazer o contrário do prometido.

O PSD às voltas com uma derrota anunciada tem corrido atrás do próprio rabo como cachorro brincalhão. Mas não brinca só com ele, não o PSD brinca com tudo e todos. Quanto mais tempo irá aguentar Santana depois das eleições? Quem poderá substituí-lo?

O PS não se preocupa, sabe que a política em Portugal é um jogo de alternância. Chegou a sua vez. Não porque tenha feito algo para isso. Mais porque os outros fizeram por isso, e de qualquer modo todos já esqueceram as hecatombes políticas de Guterres.

Sócrates promete muito, mas não concretiza nada. Mas para quê? Ao menos assim não o poderão nunca acusar de não cumprir as suas promessas. Sócrates sabe que vai para o poleiro. Quando lá chegar logo se vê!

Lia no fim de semana sobre a possibilidade de se criar um governo de bloco central.

Epá, não gozem connosco. Pode ser? Como, sequer, poder ponderar esta hipótese? Já vimos o que cada um deles vale só. Juntá-los seria sofrível, para todos. Até para eles.



Enfim, por estas e por outras é que gostava que existisse uma limpeza da nossa classe política. Mas isso pertence ao plano do onírico, do ideal.

Resta sonhar. E esperar que ao acordarmos não nos encontremos noutro pesadelo pior do que este.



Tiago Falcoeiras
publicado por wherewego às 11:25

mais sobre mim
Janeiro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

16
17
20

24
26

31


arquivos
2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2005:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2004:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
comentários recentes
"Pandev nao mentiu" "Pandev no mintió"
Jornalistas desportivos madrilenos desrespeitam DI...
Don Andrés Amorós Guardiola.....¿Mourinhista?
forcinha amigo :)
se calhar eles arrumam as coisas por secções: mass...
olha que tu também tens as tuas taras a arrumar co...
Já eu tenho no policial um dos meus géneros de ele...
Policiais nunca foi algo que me atraísse muito par...
Na minha opiniao, investir em gato fedorento é sem...
ah... a riqueza de descrever as coisas simples! go...
subscrever feeds
blogs SAPO