25.09.08
Olhava para ela. Os dois sabiam da existência um do outro. Ela fazia-se despercebida, ele, demasiado inseguro, envergonhado ali estava. Há dez minutos.
Olhava para o corpo dela, sentado, a cara denotava desinteresse, ia teclando no computador mais como desculpa. Compreendia que o evitava.
Levantou-se. Os olhos dela olharam rapidamente para ele. Depois para o computador.

Voltou a sentar-se. Olhou para o relógio. Estou aqui há dez minutos.
Voltou a levantar-se. Dirigiu-se corajosamente a ela.
- Demora muito? A senha dizia que ia ser atendido em cinco minutos, já passaram dez!
Ela desculpou-se e atendeu-o. Desinteressadíma, pouco profissional e lacónica.
publicado por wherewego às 13:15

Infelizmente, a Bíblia não nos dá o tempo que vai entre a criação de Adão e Eva e a Queda.
Já os cientistas deram-nos o tempo exacto entre o início da experiência e a avaria do acelerador de partículas. Humanamente, o tempo entre criação e "ir para o galheiro" é mais rápido.
publicado por wherewego às 12:52

- Papá, o que apareceu primeiro? A crise financeira ou o acelerador de partículas?
- Hummmmmmmmmmmm....
publicado por wherewego às 12:51

24.09.08
Desconfio que o artigo de Rui Ramos (Eles eram assim) vai gerar controvérsia. Para o bem e para o mal, concordo com o que está escrito.
publicado por wherewego às 12:12

Há uma momento no editorial do Público que me parece interessante.
Acerca do novo massacre numa escola da Finlândia, lemos:
A tendência para o isolamento leva muitos jovens a voltarem-se para a televisão e internet, criando mundos virtuais onde desenvolvem outras personalidades. Eric e Matti eram, aí, assassinos confessor. Na vida real eram afáveis e sorriam. Até que um mundo invadiu o outro, violentamente.
E então, que fazer? Resta saber se o problema é da televisão e da internet (total ou em parte), ou da sociedade/família. Estamos tão interessados no nosso mundo que esquecemos aqueles que parimos e trouxemos a este mundo.
Podemos tentar fazer uma regulação da net e tv, não esquecendo os jogos de pc e consolas. Mas, enquanto regularmos divorciando-nos das nossas responsabilidades tudo será mais simples.
Ou poderemos fazer como os Norte-Americanos. Que colocaram cá para fora (pelo menos) uma season da Rua Sésamo para maiores de 18. Não, não contém cenas eventualmente chocantes! Só que há cenas com crianças a pedirem ajuda a estranhos para passar na passadeira, por exemplo, o que hoje é anátema.
E ver a série ao pé das crianças e explicar algumas coisas? E tentar falar com os nossos filhos? Conheço pais que têm filhos de menos de um ano, que já colocaram tv no quarto dos filhos. É mais fácil, não é?
Ou mandar os filhos de castigo para o quarto, onde podem jogar consola, ver tv, ou outra coisa qualquer.
E falar com eles, está fora de questão?
Confesso que me sinto mais descansado com a quebra de natalidade em Portugal. Que pensem mais neles, ou na carteira. Pelo menos vamos evitando estas situações. Até ao momento em que as crianças perceberem que o único amigo com que podem brincar é o pc ou a tv.
publicado por wherewego às 12:02

(...)
A economia tem crescido na última geração mas os cidadãos comuns são tratados como enteados -nas pensões, na educação, e por aí adiante. Os outros são tratados como filhos a quem se pagam todas as dívidas depois de terem estourado o dinheiro da família no casino. E, verdade seja dita, parece não haver outro remédio.
(...)
Onde está Durão Barroso? Quando o conhecíamos, era um dos mais dogmáticos sacerdotes do mercado. Hoje está desaparecido em combate. Esta crise financeira global vai precisar de regulação global; mas antes que ela chegue precisamos de nova (e melhor) regulação europeia. Eu não estou optimista. Os americanos, ao menos, têm uma escolha entre mudar de defeitos e mudar de feitio nas próximas eleições.
Rui Tavares no Público de hoje.
Comentário do Blasfémias aqui, acerca da predição do futuro, que Tavares menciona no início do artigo.
Quanto à ultima frase dos excertos que coloquei: já estou farto da Obamamania. Chiça. Quero ver se opinam tanto nas próximas eleições cá do burgo.
publicado por wherewego às 11:54

Sai a 6 de Outubro o 1º álbum dos Pontos Negros. Pelo que ouvi quero ouvir mais. Estou com alguma expectativa.
Portanto já sabem, o álbum "Magnífico Material Inútil" sai a 6 de Outubro e tem o seguinte alinhamento.

1. Doutor Preciso de Ajuda
2. Magnífico Material Inútil
3. Conto de Fadas de Sintra a Lisboa
4. Cola-me No Chão
5. Xadrez & Chanel
6. Roque & Dão
7. Querida
8. Tempos de Glória
9. Depois da Bonança vem a Tempestade
10. Triunfo dos Porcos
11. Com a Morte nos Calcanhares
12. Armada de Pau
13. O Futuro


A ouvir. Faltam quantos dias?
publicado por wherewego às 11:47

23.09.08
O problema com este desejo é que parece um truque de mágica. A Ministra da Educação (Já repararam que de há uns tempos para cá só aparecem fotos da Ministra a sorrir, ou a sorrir para crianças ou a sorrir com crianças ao colo? As maravilhas que os jornais fazem pela imagem da Senhora!!!) estala os dedos, ou franze o nariz (como a feiticeira do Casei Com uma Feiticeira) e TARAM, já está. O que a abono da verdade tem acontecido. A arrepio da verdade dos conhecimentos e da exigência que devia ser pedida.
Se querem que os meninos passem no 9º ano, então invistam nos primeiros anos. É assim uma coisa tipo causa-consequência, sabem?! Mas, a crer nos exames deste ano, parece-me que a medida deverá ser continuada. Testes mais fáceis, conhecimentos mais magros, menos exigência mas, voilá, 100% de aprovações.
Felizmente que há uns professores, tipo Astérix, que ainda dedicam algum do seu tempo a puxar pelos alunos. Estes acharão mesmo os exames mais fáceis, mas terão sido trabalhados ao longo do ano. Pergunto se estes professores ainda terão paciência para continuar com esta práctica por muitos mais anos. É que se a pedra não fura, a água deixa de correr.
publicado por wherewego às 14:39

Quando o afilhado vai lá a casa tem de ver um filme. De animação, entenda-se.
Há três semanas foi lá a casa e coloquei-o a ver Um Dia De Surf. Nada feito. O puto já tinha visto o filme, e ao fim de 15 minutos já me pedia para ver outra coisa.
Bem dito, melhor feito. Vai uma razia de Conan, o Rapaz do Futuro. Viu os primeiros 4 ou 5 episódios em japonês, e nem pestanejou.
Depois acabou o 2º DVD em português. Ontem, papou o 3º DVD como gente grande.
Sinceramente, prefiro a versão original, com ou sem legendas. Ontem, sentei-me um pouco a ver a série com ele. É cada pontapé na gramática que até dói. E ainda perguntamos onde as crianças aprendem a falar mal.
Guardei uma. O Conan, preparado para enfrentar os seus inimigos, diz qualquer coisa como: Hoje, venço-lhes. (Hum? Venço-lhes em vez de venço-os? Quem é o grunho que traduz isto e o grunho que dá a voz que nem sabe alterar o erro?)
Enfim...traduções à pressa dão nisto, num desgosto enorme.
Mas o título do post é expressões. E ouvi uma no início do mês que me fez sorrir, chorar, bater com a cabeça na parede, tudo de uma só vez!
Explico. Estava em casa, no sábado à hora de almoço e decidi ver o Telejornal.
Reportagem na Atalaia, um apanhado da primeira noite de Festa do Avante.
O jornalista entrevista algumas pessoas. Uma camarada refere a chuva que caiu na 6ª Feira.
"A chuva é fascista" - foram as palavras iluminadas que saíram daquela mente (hipoteticamente falando, claro está.) Nada como uma boa catequização, mas há paciência para tudo. A Chuva é fascista? Claro que os EUA são fascistas, a direita é fascista, os capitalistas são fascistas, as FARC são...oops, desculpem - enganei-me na cartilha. Nas ditaduras comunistas conseguiram prender, torturar e matar todos (felizmente, todos não. Era um modo de expressão.) os fascistas, felizmente a Chuva safou-se.
A chuva é fascista? Será, mas em contrapartida com esta camarada, ficou com a parte boa.
publicado por wherewego às 12:35

Depois de quase um dia sem a ração adequada, um sítio para fazer as suas necessidades ou um local apropiado para dormir, a Alice, a Panhonha (cada vez mais o cognome se adequa bem ao bichano), teve ontem a oportunidade de dormir no seu cestinho, comer a sua paparoca (ouvi um Aleluia ao não ver leite e pão), defecar e mictar no local apropriado e, MIAU, MIAU, tomar a sua primeira banhoca. Foi obra. Acrescentar a isto a presença de dois gaiatos que queriam fazer-lhe festas e de um, em particular, que lhe dava biqueiradazitas no cesto e gritava a plenos pulmões: COME, COME, dá-vos uma ideia do dia agitado que a Panhonhinha teve.

Pelo que podemos ver, dormiu toda a noite na cama dela, e de manhã quando me levantei fez sinal que estava com a traça. Quando lhe coloquei a comida, não se fez rogada. Foi um "vê se te avias".
Estado de Saúde:
Em princípio, amanhã vai ao veterinário.
Precisamos de começar a tratar da desbaratização, por um lado, por outro saber mais acerca da gata. Hábitos e afins.
Pelo que li, a ramela que tem é sinal de que algo não estará bem. Portanto, quanto mais rápido, melhor.
Curiosidades:
Dono ideal
Em geral, concede o seu total afeto a um só membro da família, demonstrando até indiferença pelos outros. Separado do dono, seria capaz de morrer, mostrando uma (quase) total dependência dele. Considerando-se seu comportamento hipersensível, deve ser tratado com doçura. Quando adulto, dificilmente tolera a presença de outros gatos jovens, apesar de não faltarem os casos de boa convivência. É importante ressaltar que o Siamês e o Persa são as raças mais procuradas para gatos de companhia.
Tratamentos
Escovação quotidiana da pelagem. É necessária uma escova de dureza média, que possa tirar os resíduos e a poeira, mas sobretudo os chamados "pêlos mortos", bastante numerosos no período da muda. Posteriormente uma escova mais macia para alisar a pelagem e mantê-la espectacular.
(retirado da Wikipedia)
publicado por wherewego às 11:51

mais sobre mim
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
16
20

21
27

29


arquivos
2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2005:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2004:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
comentários recentes
"Pandev nao mentiu" "Pandev no mintió"
Jornalistas desportivos madrilenos desrespeitam DI...
Don Andrés Amorós Guardiola.....¿Mourinhista?
forcinha amigo :)
se calhar eles arrumam as coisas por secções: mass...
olha que tu também tens as tuas taras a arrumar co...
Já eu tenho no policial um dos meus géneros de ele...
Policiais nunca foi algo que me atraísse muito par...
Na minha opiniao, investir em gato fedorento é sem...
ah... a riqueza de descrever as coisas simples! go...
subscrever feeds
blogs SAPO